terça-feira, 23 de setembro de 2014

Homem comete suicido dentro de um quartel da PM

Fredson Moura prestava serviço na oficina do 3º BPM.
TÁTYNA VIANA / IMIRANTE IMPERATRIZ
Uma notícia atípica chamou a atenção em Imperatriz, nesta segunda-feira (24). Uma multidão se concentrou na porta do 3º Batalhão de Polícia Militar (3ºBPM) após serem ouvidos disparos de arma de fogo.
Segundo informações da PM, o pintor automotivo Fredson Moura Silva, de 38 anos, cometeu suicídio dentro do carro de um policial militar, no pátio do quartel, usando a pistola do PM que estava no veículo.
De acordo com informações da família de Fredson, que trabalhava como pintor automotivo e prestava serviço na oficina do quartel, ele sofria de síndrome do pânico e depressão.

Uma prima dele relatou ao Imirante que, pela manhã, Fredson teria pego veneno de rato, em casa, mas a mulher desconfiou do pior e jogou o veneno fora. Ele deixou mulher e cinco filhos