quarta-feira, 21 de junho de 2017

Paredões de som automotivos aterrorizam o sossego público das noites de Chapadinha

O Blog Sala Vipp, nos últimos dias recebeu várias reclamações de leitores sobre as ações de PERTURBAÇÃO DE SOSSEGO NOTURNO, promovido por PAREDÕES DE SOM AUTOMOTIVO, que sem temor e nem pudor, agridem descaradamente as famílias que moram em áreas residenciais de Chapadinha - MA. 

Sabe-se que onde tem paredões de som automotivos, tem venda de drogas, bebidas alcoólicas aos participantes que também podem estar armados ilegalmente, colocando em risco toda uma sociedade já bastante desgastada pela incompetência de um estado, quando o assunto é proteger a soberania do cidadão de bem que paga seus impostos. 

No último sábado Chapadinha viveu uma loucura por conta destes Paredões, eu particularmente tive que me ausentar de minha residência com os meus filhos pequenos, e dormir na casa de meu sogro, já que o barulho ensurdecedor causado por estes equipamentos perturbou a vários bairros de nossa cidade.   

Em relação a som automotivo, Chapadinha não dispõe de uma lei especifica que regularize a esta atividade, embora a redação do blog esteve em contato com um parlamentar local que afirmou está encaminhando a Câmara Municipal de Chapadinha, um projeto de lei que trata do assunto

Por enquanto, os PAREDÕES DE SOM AUTOMOTIVO continuam fazendo sua parte como CONTRAVENTORES DA LEI e da ORDEM PÚBLICA. Eles continuam IMPUNES, e quem está sendo penalizado é a sociedade chapadinhense, que é sufocada pela ação dos destes paredões de som, os frequentadores deste tipo de evento em geral trocam o dia pela noite, promovendo uma irritante PERTURBAÇÃO DO SOSSEGO PÚBLICO em áreas residenciais, postos de gasolina e nas imediações de casas noturnas.

Todos os CIDADÃOS que desejam resolver questões emergentes de INSEGURANÇA PÚBLICA têm seus DIREITOS assegurados no artigo 144 da Constituição Federal de 1988.