sexta-feira, 9 de junho de 2017

Homem que agrediu mãe pode ser condenado a 18 anos de prisão

Por Luís Pablo

Roberto Elísio em Pedrinhas
Roberto Elísio Coutinho de Freitas, 51 anos, flagrado agredindo a própria mãe em vídeo que viralizou nas redes sociais, pode ser condenado a aproximadamente 18 anos de prisão. A informação é do titular da Promotoria de Justiça do Idoso, José Augusto Cutrim, que está analisando o inquérito policial do caso e deverá oferecer denúncia contra o acusado nos próximos dias.Segundo o promotor, os crimes identificados no inquérito e que motivaram a prisão de Roberto já chegam a pena máxima.
“Eu já posso citar três: tortura, agressão física e psicológica, e abuso financeiro, porque ele se apropriou do patrimônio dela [a mãe]. Isso também está previsto no Estatuto do Idoso. Então, já tem três crimes configurados, em uma primeira leitura, chegando perto dos 18 anos a pena máxima”, disse o promotor de Justiça, em entrevista ao Jornal O Imparcial.Vale lembrar que o agressor está preso, desde o último dia 26 de maio, na Penitenciária Regional de São Luís (PRSLZ), antigo PSL III, onde permanece em uma cela isolada dos demais detentos.

Recusa ao teste do bafômetro sem outras provas de embriaguez não gera penalidade

Para o colegiado, cabia ao agente de trânsito atestar a embriaguez de outras formas previstas no CTB. A simples recusa ao teste do bafôme...