sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Jovem mata irmã acidentalmente enquanto limpava arma dentro de casa


eseses
Sandelene Castro, apenas 21 anos, morreu após um disparo de arma de fogo acidental no interior de sua residência.
Uma tragédia na noite desta quinta-feira 26/11, no Município de Raposa, Região Metropolitana da Grande São Luis. A jovem Sandelene Castro, apenas 21 anos, morreu após um disparo de arma de fogo acidental no interior de sua residência no Bairro da Vila Laci.
A fatalidade aconteceu por volta das 19h30, quando o irmão da vítima, que segundo informações é menor de idade, estava limpando um revolver.
O tiro tragicamente atingiu parte do rosto da vítima que ainda chegou ser levada para a Unidade Mista da Cidade, mas devido a gravidade do disparou morreu em seguida. Segundo relato dos profissionais que fizeram o atendimento da vítima, a bala entrou pelo lado esquerdo do rosto, na altura da boca, fez um trajeto transversal e se alojou na cabeça da jovem.
IMG-20141127-WA0155
A bala que atingiu a vítima entrou pelo lado esquerdo do rosto, na altura da boca e ficou alojada na cabeça.
Segundo informações repassado ao blog, a jovem Sandelene Castro, tinha um filho e morava com os avós e o esposo, além do irmão que efetuou o disparo.
Colegas de turma do turno matutino, do Centro de Ensino Profº José França de Sousa, onde a jovem cursava a terceira série do ensino médio, irão realizar uma caminhada em homenagem a vítima na manhã desta sexta(27).
A polícia ainda não sabe o calibre da arma do crime. Ficará a cargo da Delegacia Especial de Raposa investigar o caso, afim de descobrir se a arma do crime realmente pertencia ao irmão de Sandelenea, que fugiu do local do crime após o disparo acidental.
Blog Domingos Costa